Campanha incentiva compra e doação de EPIs para HUs

No final de maio, a Fasubra Sindical lançou a campanha de solidariedade “Todas as vidas importam – A vida acima do lucro”, com o objetivo de promover compra e doação de EPIs para Hospitais Universitários e auxiliar os e as trabalhadoras da saúde no combate à pandemia do COVID-19.

O técnico-administrativo em educação e coordenador de Comunicação e Formador Sindical da Fasubra, Luan Badia, conta como surgiu a ideia da campanha. “Bom, a Fasubra entendeu que o momento é de mostrar ativamente a solidariedade de classe e a importância dela”, afirma o coordenador. “Os trabalhadores da saúde estão adoecendo e são os que estão mais expostos ao vírus. Infelizmente, o Brasil é recordista no número de profissionais doentes. Então, sendo este o lado que precisa de solidariedade hoje, com mais urgência, a gente resolveu voltar nossas energias para prestar o apoio que a gente consegue e mostrar o quanto é importante nós termos essa solidariedade entre nós trabalhadores”, explica.

Após duas reuniões de organização e criação da Campanha, a Fasubra realizou uma reunião online ampliada com os sindicatos filiados, no intuito de incentivar a participação destes na ação. Luan relata que, inicialmente, o foco da Campanha de Solidariedade é na aquisição e distribuição de equipamentos de proteção individual (EPIs), mas deverá ser ampliada conforme outras necessidades imediatas forem identificadas pelas entidades de base de cada região.

A ideia é que os sindicatos filiados mapeiem fornecedores de EPIs e repassem a informação para a Fasubra. A Federeação realizará a compra diretamente com o fornecedor. A priori, a Fasubra está disponibilizando o valor de uma mensalidade dos sindicatos para a ação. Posteriormente, esses materiais serão doados a hospitais, preferencialmente Hospitais Universitários. O coordenador explica que a escolha é uma forma de valorizar a contribuição da educação pública no país.

“O Governo tem atuado a favor do vírus e a favor da morte. Essa campanha de solidariedade é mais necessária nesse momento conjuntural, já que o Governo não se coloca no combate a pandemia. Por isso, é importante mostrar nesse momento a contribuição fundamental da Educação Pública para o país”, enfatiza Luan.

A Assufsm já está mobilizada para a ação, na busca de fornecedores locais que estejam produzindo EPIs para colaborar com a campanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *