CORONAVÍRUS: Nota conjunta dos partidos de oposição cobram contribuição dos bancos na pandemia do COVID-19

Partidos da oposição divulgaram, nesta quinta-feira (2/4), uma nota conjunta intitulada “Em defesa da saúde, dos empregos e dos salários; cobrar dos banqueiros sua cota nesta crise”.

A nota critica a condução da crise pelo governo federal, defende a urgente mobilização por recursos financeiros e logísticos durante a pandemia do novo coronavírus – COVID-19, pede a rejeição da MP 936 e a construção de uma proposta que realmente garanta a estabilidade no emprego e o pagamento dos salários.

Segundo o documento, é urgente mobilizar todos os recursos financeiros e logísticos para adquirir, dentro e fora do país, equipamentos hospitalares e de proteção ao público e aos profissionais de saúde; oferecer leitos de UTIs e aplicar testes à população nos parâmetros médico-científicos.

“Para dar uma amostra do atraso e insuficiência das ações no Brasil: apesar do remanejamento de R$ 5 bilhões nas emendas orçamentárias, apenas R$ 424 milhões foram transferidos aos estados e somente esta semana chegaram ao país os 500 mil testes adquiridos na China, igual ao volume que a Alemanha aplica em apenas uma semana. É preciso recuperar o precioso tempo perdido com os erros e a imprevidência do governo federal nesta crise”.

Veja a nota na integra: Ver aqui.

Texto: Fasubra Sindical

Postagens recentes

Geral

14 de agosto –  Dia dos Pais

A Assufsm deseja a todos os Pais, responsáveis, mães solo, tios(as), avós e demais pessoas que realizam esse papel, um dia de muita alegria com

Ler mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.