GT Motoristas avalia o IX Seminário Nacional dos Motoristas Oficiais das Instituições Federais de Ensino Superior

Na última segunda-feira, 09, o Grupo de Trabalho de Motoristas da Assufsm se reuniu para realizar uma avaliação do IX Seminário Nacional dos Motoristas Oficiais das Instituições Federais de Ensino Superior, de aconteceu de 28 a 30 de junho, em Minas Gerais. Além dessa pauta, também foi debatido a reunião com PROGEP sobre processo de insalubridade que aconteceu no último mês (ver aqui).

Inicialmente os técnico-administrativos em educação (TAEs) delegados da Assufsm fizeram as avaliações gerais sobre o seminário. O evento que tradicionalmente conta com a participação da Assufsm, tem como objetivo reunir técnico-administrativos em educação no cargo de motorista para discutir as condições e a jornada de trabalho; o risco de vida; assédio moral; carreira; avanços da terceirização do cargo e a qualidade vida.

Os TAEs delegados da Assufsm ressaltaram que nesta edição, devido também a conjuntura econômica e política do país, no geral o encontro foi composto por mesas unilaterais, primando as discussões e debates de apenas um dos setores da esquerda.

Como encaminhamentos deste ano, o Seminário definiu a realização do próximo encontro em Campo Grande, Mato Grosso do Sul; a solicitação em reativar o GT Carreira da Fasubra para debater sobre aspectos específicos dos motoristas, como por exemplo, o decreto 9262 e o TaxiGov; um documento para a Federação exigindo uma postura mais contundente na uniformização das lutas; e uma nota contra a EBSERH.

Após apresentar os principais informes do Seminário, o GT Motoristas definiu também alguns encaminhamentos para serem levados para reunião de coordenação da próxima semana. Entre eles, a organização de um encontro regional, que abranja os motoristas do Rio Grande do Sul para aprofundar a discussão sobre a conjuntura, especialmente no que diz respeito aos técnico-administrativos em educação do setor de transporte e a agenda de uma reunião com o reitor para apresentação da nota temática sobre o banco de horas.

Entenda o que é o TaxiGov

O TaxiGov surgiu no ano anterior, como um novo modelo de serviço para transportas servidores públicos do país, semelhante a outros aplicativos de transporte. A novidade é que agora, o Governo está tentando implementar este modelo também dentro das Universidades, como é o caso da Universidade de Brasília que já vem usando esse serviço. O TaxiGov é mais um ataque à classe trabalhadora, uma vez que causa a demissão de trabalhadores e trabalhadoras do serviço público, ao tentar extinguir o cargo de motorista e os setores de transporte nas universidades.

Acesse aqui sobre a reunião realizada na Universidade Federal de Minas Gerais sobre o “TaxiGov”.

Postagens recentes

Geral

CNG em ação: 1 mês de GREVE!

Na tarde desta quinta-feira, 11 de abril, aconteceu mais uma reunião do Comando Nacional de Greve (CNG). Foi lembrado que a greve da FASUBRA completou

Ler mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *